A Historia do Jiu Jitsu, Academias, Mestres, Competidores, Resultados das Maiores Competições e as Últimas Novidades

Este post também está disponível em: Inglês

Alexandre “Gigi” Paiva é uma figura de extrema importância na história do Jiu Jitsu, sendo um dos membros fundadores da equipe campeã mundial de Jiu-Jitsu, Alliance, ele foi também mestre de diversos campeões mundiais e figuras importantes para o Jiu Jitsu, tais como Fernando Augusto “Terere”, Leo Leite e Mitsuyoshi Hayakawa entre muitos outros.

Alexandre Paiva Jiu Jitsu

Nome completo: Alexandre Paiva Genovesi

Apeligo: “Gigi”, possivelmente pelo seu ultimo nome (Genovesi) embora tal nao tenha sido confirmado pelo BJJ Heroes.

Linhagem/Genealogia: Mitsuyo Maeda > Carlos Gracie > Helio Gracie > Rolls Gracie > Romero Cavalcanti > Alexandre Paiva

Principais Títulos:

  • Campeão Mundial (1999);
  • Campeão Pan-Americano (1996);
  • 5x Campeão do Campeonato de Masters e Seniors (2010, 2008, 2007, 2004, 2002);
  • Medalha de Bronze no Mundial (1997)

Categoria/Peso: Médio – Middlweight (82kg/181lbs)

Academia: Alliance

Biografia de Alexandre Paiva

Alexandre Paiva começou treinando Jiu Jitsu em 1983 na famosa Academia Jacaré em Ipanema, Rio de Janeiro, com o faixa preta de Rolls Gracie, Romero Cavalcanti. Na Academia Jacaré ele treinou com várias feras do Jiu-Jitsu como Fabio Gurgel, Leo Castello Branco, Roberto Traven, Fernando Gurgel e muitos outros. Atletas que viriam a fazer história nos tatames nos anos que se seguiram.

Logo do início Alexandre Paiva caiu dentro do esporte, e levava jeito, vendo que o jiu-jitsu era algo que ele gostava começou a treinar mais e mais, até que se tornou quase uma obsessão. Passando uma média de 8 horas por dia nos tatames. Alexandre não só treinava em Ipanema com Cavalcanti, mas ele também aproveita o tempo para ir às quartas-feiras para a área de Botafogo para acompanhar as aulas da “Academia Gracie” treinamento liderado por Rickson e Royler Gracie.

Em 1988 a carreira de Alexandre Paiva sofreu uma paragem forçada, quando Gigi machucou as costas, com sérios danos à sua coluna vertebral, uma lesão que empurrou Alexandre para fora dos Tatames por dois anos. Após a cirurgia e necessário processo de recuperação, Paiva regressou aos tatames na hora de pegar a faixa preta (em 1991). Foi também nessa mesma época que Alexandre começou a dedicar mais tempo à sua carreira de professor. Ele manteve a sua posição como assistente técnico de Jacaré Romero, começando também a dar aula no “Clube Federal”. Em 1992 Paiva abriu uma academia chamada “Academia Strike”, juntamente com Roberto Traven e Francisco Canepa. Eles ficaram lá ensinando até 1994, o em que alguns ex-alunos de Romero Cavalcanti, Paiva incluido, decidiram se juntar a seu mestre e formar uma nova equipe para bater de frente contra as equipes maiores nos campeonatos (equipes como a Barra Gracie e Carlson Gracie Team), eles chamaram a esse time Alliance.

O time rapidamente se tornou numa referência no Rio de Janeiro, mais tarde em São Paulo e depois pelo mundo fora.

Em 2009, Alexandre foi o líder de um movimento que serviu para prestar homenagem ao mestre Hélio Fadda (sobrinho de Oswaldo Fadda), da linhagem Fadda. A cerimônia foi realizada no “Casino Municipal em Paracambi, Rio de Janeiro.

Alexandre Paiva vs Carlos Vicente (2009)

Alexandre Paiva vs Carlos Antonio Pinho (2008)

Este post também está disponível em: Inglês

Leave A Reply

Your email address will not be published.

PASSWORD RESET

LOG IN