A Historia do Jiu Jitsu, Academias, Mestres, Competidores, Resultados das Maiores Competições e as Últimas Novidades

Este post também está disponível em: Inglês

Eduardo Telles é um faixa preta de Jiu-Jitsu graduado por Fábio Gurgel sendo também um dos competidores de luta de solo mais criativos do mundo. Famoso por ser um fã do “Esquijitsu” (Jiu-Jitsu esquisito) ele criou vários ataques partindo da  posição ‘de quatro apoios’, revolucionando aquela que antes era apenas uma posição defensiva e apelidando a mesma de ‘turtle guard’ (termo Ingles que significa: guarda tartaruga). Eduardo Telles criou também vários botes a partir de uma posição que se tornou famosa como a “Octopus Guard” (guarda polvo). De um ponto de vista histórico, Eduardo Telles foi ainda responsável pela  criação de duas academias de grande impacto no mundo competitivo do Jiu Jitsu, a TT e a Nine Nine.

Eduardo Telles Jiu-Jitsu

Nome Completo: Eduardo Telles Moreira

Linhagem: Mitsuyo Maeda > Carlos Gracie > Helio Gracie > Rolls Gracie > Romero Cavalcanti > Fábio Gurgel > Eduardo Telles

Principais Conquistas:

  • Campeão Mundial Sem Kimono (2013)
  • Campeão Pan-Americano (2007)
  • Campeão Brasileiro – CBJJE (2008)
  • Medalha de Prata no Mundial (1999 – Faixa roxa)
  • Medalha de Prata no Pan-Americano (2005, 2006)
  • Medalha de Prata no Campeonato Brasileiro (2001, 2005, 2006)
  • Medalha de Bronze no Mundial (2000 – Faixa marrom, 2008 e 2010 faixa preta)
  • Medalha de Bronze no Pan-Americano (2002 – Peso e absoluto, 2004 Peso)

Posição/Técnica Favorita: Guarda ‘Tartaruga’, Guard ‘Polvo’.

Categoria de Peso: Pesado (94kg), Super Pesado (100kg) e Pesadissimo (+ de 100kg)

Academia: Nine Nine

Biografia de Eduardo Telles

Eduardo Telles Moreira nasceu em 1976 em São Paulo, Brasil. Telles entrou no mundo das artes marciais através do Karate, quando era apenas um adolescente. Já existia Jiu-Jitsu em São Paulo nessa época mas as academias eram poucas e o único contato que Telles tinha com o Jiu-Jitsu era quando passava tempo no Rio de Janeiro, a cidade natal de seu pai. A família de Telles tinha uma casa no Rio, no Bairro da Tijuca, um local famoso para os surfistas e para os praticantes de Jiu-Jitsu e foi lá que Eduardo ouviu falar da arte suave pela primeira vez.

Depois da estreia do UFC e da vitória de Royce Gracie nesse mesmo evento, o Jiu-Jitsu explodiu em São Paulo e a academia onde Telles praticava Karate abriu um horário de Jiu-Jitsu. Foi aí que Telles conheceu o seu primeiro instrutor, Fernando Yamasaki (irmão de Mario Yamasaki, juiz do UFC), com quem ficou até ser graduado para a faixa azul. Nessa época Eduardo parou de fazer Jiu Jitsu porque se mudou para os Estados Unidos (San Diego na California) para aprender inglês. Lá na California ele conheceu Carlos Valente, da familia Valente, uma familia com fortes lacos com os Gracie) e treinou com ele durante o período em que ficou na América.

Telles foi graduado para a faixa roxa por Valente e regressou depois para São Paulo para treinar com Fábio Gurgel na Academia Alliance. Na academia de Gurgel ele conheceu Fernando Terere de quem se tornou um bom amigo, bem como de Demian Maia e outras personalidades do Jiu-Jitsu que treinavam sob a orientação de Gurgel. Na academia matriz da Alliance, a técnica de Telles melhorou bastante e o contato próximo com Terere (que já se estava tornando numa lenda do esporte) foi uma das razões. A academia da Alliance servia como um laboratório para as experiencias de Eduardo Telles com as técnicas de Jiu-Jitsu que ele viria a desenvolver para adaptar à sua forma estranha de lutar.

Conquistou a medalha de prata no Mundial de 1999 na faixa roxa e a medalha de bronze um ano mais tarde na faixa marrom, não causando surpresa quando foi graduado para a faixa preta no ano seguinte. Nessa altura, a forma de lutar de Eduardo Telles começou se destacando e muitos na comunidade do Jiu-Jitsu a apelidaram de “Esquijitsu”, apelido que se devia às posições estranhas em que Telles se colocava.

Em 2002 houve uma separação no time Alliance e Eduardo Telles seguiu os dissidentes e ajudou a abrir a academia Master Team e mais tarde a equipe Brasa. Telles acabou se juntando com o seu amigo Fernando Terere (que Eduardo considerava o seu mestre) e juntos fundaram a TT Team (TT significava Telles e “Terere”).

A TT teve sucesso logo no começo com alguns alunos demonstrando que o time tinha um enorme potencial, mas infelizmente no final de 2004 Fernando Augusto estava com alguns problemas pessoais de consumo de drogas e depressão e o time terminou. Telles decidiu abrir uma nova academia, dessa vez liderada por ele, a que chamou Nine Nine (Noventa e nove), atribuindo ao 99 o significado de estar próximo do número 100, que significa perfeição, o objetivo de Telles.

Depois de estabelecer a sua academia, Telles começou a sua carreira no MMA, com uma vitória rápida por finalização contra Rubens Xavier, o que lhe valeu uma nova chamada aos ringues dessa vez para lutar contra o experiente e favorito Rafael “Sapo” da Gracie Barra. Telles venceu de novo no primeiro round, com um poderoso chute na cabeça. A sua primeira derrota aconteceria contra outro praticante de Jiu-Jitsu, o experiente Leandro Silva “Batata” da Nova União. Essa derrota fez Telles perceber que necessitava de se juntar a uma academia de MMA profissional e assim se juntou à famosa X-Gym no Rio de Janeiro, sede da Black House MMA e onde treinam alguns dos melhores lutadores do UFC, como Anderson Silva, Lyoto Machida, os irmãos Nogueira e muitos outros.

No Rio de Janeiro ele conheceu a sua namorada com quem viria a se casar em Janeiro de 2010.

Eduardo Telles Highlight

Eduardo Telles vs Rener Gracie

Eduardo Telles vs Rogel Monsalve

Eduardo Telles vs Roberto Godoi

Este post também está disponível em: Inglês

Leave A Reply

Your email address will not be published.

PASSWORD RESET

LOG IN